ProfessoresPessoas e projetos que inspiram: Élida Gontijo

24 de janeiro de 2018

A professora Élida Gontijo, do  Colégio Franciscano Regina Pacis, de Sete Lagoas (MG),  foi uma das professoras mais engajadas da Maratona do Livro Infantil de 2017, que teve o Ziraldo como padrinho. Agora ela nos presenteia com essa reflexão sobre o papel do educador no processo de ensinar com os alunos. “Aninha Linda menina do laço...

A professora Élida Gontijo, do  Colégio Franciscano Regina Pacis, de Sete Lagoas (MG),  foi uma das professoras mais engajadas da Maratona do Livro Infantil de 2017, que teve o Ziraldo como padrinho. Agora ela nos presenteia com essa reflexão sobre o papel do educador no processo de ensinar com os alunos.

Aninha

Linda menina do laço de fita! Pela cabeça lindos adornos coloridos, enfeitam rosto angelical. Nos lábios batom colorido, iluminando o sorriso de quem ainda está indecisa se pula para pré-adolescência ou se fica na infância. Diante de toda magia olho seus pés, sempre descalços , pequenos, delicados, pulando , arriscando nos mistérios da vida. Sempre a pergunta :- Onde estão seus sapatos? E a resposta a mesma:- Ali! É simples , fácil, por que tolher, prender, limitar?
Ela quer buscar, correr, brincar, sem amarras, sem imposições, nada de moda. O bonito é enfeitar o rosto, a expressão que é a que fica na memória. Quem vai olhar primeiro os pés? Quanta sabedoria nesta menina do laço de fita! Dizem que sou sua professora, mas será? Acho que houve uma inversão de papéis. Aprendi muito com ela, em simples detalhe dos pés descalços. Sem ela mesma perceber e isto que é bonito na sala de aula, a troca de ensinamentos, naturalmente, sem planejamentos, descritores, prazos, só magia, só inebriamento do olhar, do ser.
Gratidão Aninha por me ensinar a despir das minhas amarras, modismos, inseguranças, convenções. Assim como você quero correr , sentir na sola dos pés as surpresas do caminho, às vezes pedras, às vezes relva macia. Espero nunca perder esta pureza, simplicidade e que Deus me abençoe com novos aprendizados, pequenos detalhes destes seres com nomes de alunos, mas que na verdade são grandes mestres.”

Texto dedicado à aluna Ana Carolina Hermann Faria.

Quer saber mais como foi a experiência da Élida na Maratona do Livro Infantil e o que ela achou da Árvore de Livros? Clique na imagem abaixo para conferir uma entrevista com ela!

thumb-youtube-elida

Você e sua escola podem ter a mesma experiência da Élida: Concurso Eu Escrevo a Minha História

As inscrições para o processo seletivo do projeto gratuito “Eu Escrevo a Minha História” já estão disponíveis no site www.arvoredelivros.com.br/minhahistoria.

Este projeto é dedicado as turmas de Ensino Médio de escolas em todo o Brasil. Durante um mês os alunos terão acesso gratuito a plataforma Árvore de Livros. Os estudantes produzirão um texto imaginando seu futuro, e poderão ganhar cursos e a visita de uma personalidade inspiradora na sua escola.

Já participaram dos nossos projetos figuras como Ziraldo, Wagner Moura, Marina Colasanti e outros parceiros especiais. Neste projeto contaremos com o Grafiteiro Eduardo Kobra, com a jornalista da Globo, Glenda Kozlowski e outros.

Se tiver alguma dúvida deixa aqui nos comentários!

 

Compartilhe nas redes:

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.

Compartilhe nas redes: