LeituraConheça 9 livros que todo jovem deveria ler

11 de abril de 2017

Em um mundo em que os jovens estão constantemente conectados às redes sociais, o espaço para a leitura vem demandando cada vez mais estímulos e interatividade, a fim de desenvolver opiniões e valores que influenciem de forma positiva o comportamento e a visão crítica desse público. Nessa idade, um mundo novo pode se abrir ao jovem...

Em um mundo em que os jovens estão constantemente conectados às redes sociais, o espaço para a leitura vem demandando cada vez mais estímulos e interatividade, a fim de desenvolver opiniões e valores que influenciem de forma positiva o comportamento e a visão crítica desse público. Nessa idade, um mundo novo pode se abrir ao jovem quando este se permite viajar por inúmeras boas histórias escritas muito antes dele nascer.

Como a adolescência é uma fase de transição e construção de valores, nada melhor do que enriquecê-la com boas leituras, não é mesmo?! Pensando nisso, separamos 9 livros que todo jovem deveria ler, confira!

Memórias Póstumas de Brás Cubas (Machado de Assis)
Escrito por Machado de Assis, um dos autores mais importantes da literatura nacional, “Memórias Póstumas de Brás Cubas” sempre foi considerada uma leitura “obrigatória” para os jovens. Mas calma! Não é um obrigatório chato de ler. Além de ser um livro constantemente solicitado no vestibular, a obra traz reflexões incríveis sobre questões fundamentais da existência humana. A história é contada por um narrador que já morreu. Isso mesmo! Além de ser uma história pouco comum, ainda é muito divertida.

O Retrato de Dorian Gray (Oscar Wilde)
Neste livro o jovem Dorian deseja preservar sua aparência, mas não sabe o quanto esse ato pode custar caro. Aos poucos, manter-se jovem e bonito torna-se uma grande obsessão. É uma leitura envolvente, que trata do narcisismo e de como a maldade pode mudar uma pessoa sem que ela perceba.

O Primo Basílio (Eça de Queirós)
Esta é uma excelente obra para apresentar aos adolescentes as características da escola literária realista. O livro trata da história de Luísa, uma moça casada que tem uma paixão avassaladora por seu primo Basílio.

Fahrenheit 451 (Ray Bradbury)
Esta obra fala de um futuro em que os livros são proibidos e qualquer pensamento crítico é duramente reprimido. Ao realizar esta leitura, o jovem depara-se com questões muito importantes, tais como a manipulação exercida pelas forças que detém o poder, a alienação social provocada por essas forças poderosas, além de ser levado a refletir sobre a importância dos livros para a sociedade.

Admirável Mundo Novo (Aldous Huxley)
Esta obra, de Huxley, é considerada uma das mais importantes representantes do gênero distópico, e tornou-se precursora de uma série de outros livros sobre o tema. Apresentando um mundo dominado pela técnica, ela trata das consequências sociais de um futuro em que a genética é completamente controlada. Esta obra traz reflexões muito importantes para os jovens, sendo com certeza um dos livros que todos deveriam ler.

O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry)
Apesar de muitas vezes ser considerado como um livro infantil, “O pequeno príncipe” traz assuntos muito complexos, que podem auxiliar o jovem a pensar sobre as diferentes formas de viver e sobre si mesmo, reforçando valores como a amizade e a empatia.

O Cortiço (Aluísio de Azevedo)
Sem dúvidas uma ótima opção para aqueles que  desejam entender uma pouco mais sobre o Brasil do século XIX. O livro é um romance naturalista que aborda questões raciais, ideológicas e também permite imaginar as diferentes formas de viver a cidade nesse período, marco do início do processo de modernização urbana.

Dom Quixote (Miguel de Cervantes)
Esse livro conta a história de um fidalgo que, de tanto ler livros de cavalaria, acaba acreditando que é um cavaleiro. É uma obra muito conhecida pela possibilidade de levar o leitor a viajar pela história e sentir-se parte dela. Também tornou-se um clássico por conta da satirização que Cervantes faz das histórias fantasiosas dos heróis de cavalaria.

A Metamorfose (Franz Kafka)
O livro conta a história de Gregor Samsa que, ao acordar, percebe que se transformou em um inseto. Kafka consegue passar ao leitor as sensações do pobre jovem, levando-o a refletir sobre o lado grotesco, trágico e cruel do ser humano.

Você gostou das sugestões? Deixe sua opinião nos comentários!

Compartilhe nas redes:

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.

Compartilhe nas redes: