ProfessoresAfinal, como integrar os antigos e novos alunos na volta às aulas?

25 de fevereiro de 2019

Começar uma nova rotina em uma escola diferente é um processo importante tanto para o aluno quanto para a escola. Estar preparado para receber estudantes que ainda não estão acostumados com a convivência e as regras da instituição é fundamental para criar um bom ambiente, fazer o novo aluno se sentir confortável e proporcionar uma jornada...

Começar uma nova rotina em uma escola diferente é um processo importante tanto para o aluno quanto para a escola. Estar preparado para receber estudantes que ainda não estão acostumados com a convivência e as regras da instituição é fundamental para criar um bom ambiente, fazer o novo aluno se sentir confortável e proporcionar uma jornada de aprendizagem rica, produtiva e promissora.

O segredo está em integrar antigos e novos alunos nos períodos de volta às aulas, que costumam ser delicados. Para isso, há boas ideias e soluções a serem implantadas. Essa integração é importante para criar um ambiente harmônico, em que todos se ajudam, aprendem e ensinam.

Portanto, neste artigo, falaremos sobre algumas atividades que podem ajudar a aproximar quem já está matriculado e integrado à rotina da escola com aqueles que precisam de ajuda, informações, orientações e companhia. Quer saber mais? Então, siga lendo!

Como integrar alunos antigos e novos na volta às aulas

Crie uma equipe de recepção

A cada início de novo ano letivo, a ideia é formar um grupo de pessoas que serão responsáveis por “guiar” os novatos em tudo aquilo que for necessário. Podem integrar o grupo tanto professores quanto funcionários, mas a presença de alunos é fundamental. Afinal, nada melhor do que um estudante para entender as necessidades, anseios e medos de alguém que está começando uma nova fase, em uma nova instituição de ensino.

O grupo pode, por exemplo, acompanhar os novos alunos até as salas de aula, secretaria, biblioteca e demais locais da escola. Também deve explicar as regras, os horários e tudo mais que for da rotina do educandário.

A ideia é apresentar os novos colegas para tentar “quebrar o gelo”. Isso dará a sensação de segurança para os novos alunos, que se sentirão acolhidos e saberão a quem recorrer em caso de dúvidas ou necessidades. Com o tempo, todos estarão integrados e habituados e a tendência é proporcionar um ambiente mais saudável e harmônico.

Organize uma dinâmica entre os alunos

Essa dica pode se aliar à dica anterior, uma boa dinâmica entre os estudantes pode fazer muito pela harmonia entre eles. Pode ser uma gincana, uma sessão de bate-papo ou qualquer outra atividade leve, que estimule o contato e o entrosamento.

Porém, não esqueça que esse tipo de dinâmica deve ser bem planejada, com alguma premissa interessante que não seja invasiva nem exponha os estudantes. Afinal, entrar em uma nova escola já garante nervosismo suficiente, não é?

Ao longo do primeiro ano, você pode criar atividades em que os alunos precisem se envolver para cumprir uma tarefa, por exemplo. Pode ser uma gincana competitiva ou somente um incentivo para passar um tempo em grupo, como atividades na biblioteca ou na quadra de esportes.

Essas ideias vão dar início a outras iniciativas a serem integradas no dia a dia da escola, para deixar todos à vontade no período de volta às aulas, tanto novatos quanto alunos já acostumados com a rotina. Todos têm a ganhar com essa atitude!

E se você ficou interessado em uma boa estratégia de integração de estudantes na sua escola, entre em contato conosco! Vamos ter todo o prazer em atendê-lo!

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.