LeituraIncentive os hábitos de leitura de seus alunos com estas 6 dicas

18 de outubro de 2015

É indiscutível: uma pessoa que lê mais, principalmente desde a alfabetização, apresenta desempenho melhor em todas as disciplinas estudadas, além de ser mais capaz de desenvolver suas relações pessoais e profissionais no futuro. Para que todos os alunos sejam contemplados por esse cenário, no entanto, uma das principais dificuldades dos educadores no meio acadêmico envolve,...

É indiscutível: uma pessoa que lê mais, principalmente desde a alfabetização, apresenta desempenho melhor em todas as disciplinas estudadas, além de ser mais capaz de desenvolver suas relações pessoais e profissionais no futuro.

Para que todos os alunos sejam contemplados por esse cenário, no entanto, uma das principais dificuldades dos educadores no meio acadêmico envolve, sobretudo, a capacidade de aprimorar as habilidades linguísticas nos alunos. Muitas vezes, os professores de Geografia, Matemática e outras disciplinas (e não somente os de Português), percebem dificuldades nos estudantes que não são conceituais, e sim referentes à interpretação.

Listamos seis técnicas que podem ser abordadas em sala de aula, para contribuir com a criação do hábito de leitura dos alunos, melhorando, assim, o desempenho acadêmico deles em longo prazo. Confira!

1 – O despertar para a leitura

O ideal é que o aluno que está ainda em processo de alfabetização comece a ser apresentado de maneira lúdica e criativa para os livros.

É interessante que o educador conheça o aluno para ajudá-lo nesse processo. Sabendo os seus gostos e interesses, a leitura será mais atrativa e de acordo com os gêneros literários e estilos de leitura que agregam maior curiosidade, entusiasmo e motivação.

Esse hábito se tornará mais fácil quando houver interesse na tarefa, independente do grau acadêmico do aluno. Para os mais novinhos, invista em livros coloridos e com imagens. Procure saber se eles se interessam por animais, esportes, carros, contos de fadas. Já os pré-adolescentes costumam preferir livros de ação, romance policial, aventura, suspense, dentre outros.

2 – Promover maior autonomia

Outra forma de fazer os alunos verem a leitura como uma prática diária, prazerosa e vantajosa para eles é propiciando maior autonomia no processo de seleção dos textos lidos. Incentivá-los a participar da escolha literária faz com que a leitura não seja uma total obrigação, já que também poderão optar por temas de sua preferência. Assim, de acordo com a prática de leitura dos alunos, o professor pode ir implementando outros temas e gêneros que sejam mais pertinentes às necessidades acadêmicas.

3 – A tecnologia como motivação

O uso de dispositivos móveis e o acesso a internet é cada vez mais comum e frequente entre os jovens. Faça uso dessa tecnologia para motivá-los a fazer as leituras. Invista em ebooks e livros digitais que podem ser facilmente lidos em notebooks, tablets e leitores de livros específicos. Alguns desses livros são interativos e permitem que o aluno desenvolva atividades através dele.

4 – Interpretação criativa

Quando o aluno aprende a interpretar, consequentemente o interesse para a leitura aumenta, já que ele começa a imaginar as cenas da estória. Para ajudá-lo a compreender melhor o que é lido, é recomendado que algumas leituras sejam feitas junto a eles. O resultado é certo: maior concentração, maior capacidade imaginativa e desenvolvimento do gosto pela leitura.

5 – Criar segurança

Vale lembrar que é importante auxiliar o aluno para que ele crie segurança e confiança na sua interpretação da leitura. Portanto, enquanto ele ainda estiver inseguro, permaneça com livros mais fáceis e de acordo com o nível de aprendizado dele — vá dificultando à medida que ele evoluir a sua capacidade interpretativa.

6 – Interação com outros tipos de mídias

Para que o aluno compreenda melhor o livro que está lendo, que tal fazer a exibição do filme que conta a história do livro para que esses dois formatos possam ser analisados e comparados? Você pode também incentivar o lado criativo dos jovens com a produção de um teatro sobre o livro lido — com a atuação e participação dos alunos durante a montagem da peça.

São muitas as formas de incentivar o hábito de leitura em seus alunos. O importante é fazer com que eles tomem gosto pela prática e não a realizem apenas por ser uma obrigação.

Tem alguma outra dica que contribui com o hábito de leitura dos alunos? Compartilhe com a gente nos comentários.

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.