EducaçãoBoas práticas em sala de aula

13 de setembro de 2017

Mais alunos do que computadores é um fator que impede a implementação de tecnologia em sala de aula? Não para a professora Andrea Losada! Mesmo não tendo um computador por aluno para trabalhar no laboratório de informática, ela provou que o uso de tecnologia é possível mesmo quando há poucos recursos e o resultado são...

Mais alunos do que computadores é um fator que impede a implementação de tecnologia em sala de aula? Não para a professora Andrea Losada! Mesmo não tendo um computador por aluno para trabalhar no laboratório de informática, ela provou que o uso de tecnologia é possível mesmo quando há poucos recursos e o resultado são alunos engajados e cada vez mais críticos. A professora do 9º ano de geografia, que dá aula na E.E. Profª Gracinda Maria Ferreira, em Santos (litoral de São Paulo) foi uma das premiadas pelo Concurso de Boas Práticas do PEP (Programa Escolas Plugadas), realizado pela Fundação Lemann.

O propósito é conectar educadores da rede pública de ensino a empreendedores do setor de tecnologia educacional. Este ano marca a terceira edição do PEP e a Guten foi uma das empresas que fez parte do programa, se colocando à disposição dos professores que implementaram o Guten News em suas escolas. “Para nós, da Guten, foi um aprendizado! O PEP é um programa que cria possibilidades de compartilhamento de boas práticas entre as escolas”, afirma a gestora pedagógica da Guten, Leticia Reina.

O programa teve início em março deste ano e foi encerrado em julho. Ao todo, 5 startups e 48 escolas fizeram parte do programa, tendo 15 delas adotado o Guten News. “Mesmo com as limitações técnicas de algumas escolas, a experiência foi super positiva. Estratégias foram criadas, para que o uso fosse bem sucedido”, afirma David Benadiba, coordenador de Tecnologia Educacional da Guten, que acompanhou de perto todo o processo do PEP.

“No dia 04 de março, houve uma oficina de apresentação das plataformas para as escolas do programa. Depois que as escolas selecionadas escolheram as plataformas que usariam, foi feita uma formação para que elas soubessem como utilizar a ferramenta em sala de aula. No dia 13 de março, as escolas começaram a utilizar a plataforma”. O processo de implementação teve todo o acompanhamento das equipes das startups, e foi mediado por outra empresa, como relata o coordenador: “ao longo do programa, a equipe do Sincroniza Educação (uma equipe parceira de acompanhamento pedagógico da Lemann) deu todo o suporte e intermediou as relações entre as escolas e as empresas para garantir que o uso da plataforma fosse eficiente”.

Ao final do programa, foi premiada a melhor prática por startup. No caso das escolas que implementaram o Guten News, a vencedora foi a Andrea. Mesmo depois do fim do programa, as escolas que implementaram o Guten continuam com a plataforma. Quer saber mais sobre a experiência da Andrea? Então, clique no vídeo e confira o depoimento dela sobre o poder transformador que a tecnologia tem em sala de aula:


Quer saber mais sobre a plataforma? Acesse o site da Guten: www.gutennews.com.br

Você também pode começar uma versão de teste da ferramenta. Basta clicar aqui!

 

 

Compartilhe nas redes:

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.

Compartilhe nas redes: